quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Os Excluídos Nada Anônimos Desse Mundo: Nira!!

Conselho de Mãe:
"1º Você sabe que tua vida só vai tomar um rumo quando você desapegar de vez desse homem, né? Claro que isso não vai ser fácil. Nunca é, minha querida. Amor de p... onde bate fica. Já ouviu isso antes? É a mais pura verdade, acredite. A coisa mais difícil da vida da gente é se livrar de um macho bom de cama. Mas com esforço você consegue. Leva tempo mas consegue. Depois vai ficar se perguntando como foi que você perdeu tanto tempo com ele e rir da situação.
2º Lembro de um post em que você colocou pra fora sua mágoa porque alguém disse pra você que sua vida/ você está estagnada. Será que não doeu mais fundo porque é exatamente assim que você se sente? Deixei de comentar aquele post porque naquele dia eu não conseguia falar nada que prestasse nem pra mim mesma, que dirá pra outra pessoa (é,eu também tenho dias ruins)mas sempre te acompanho e aquele post me incomodou. Tanto que estou voltando ao assunto agora.
Então me escuta: Ate onde percebo, você não é retardada, nem burra. Talvez seja burra por amar um cara que não te dá valor, mas dessa burrice quase toda mulher sofre em algum momento da vida.
Sendo assim, não admito te ver chorando com raiva pelos cantos por algo que acontece (ou não acontece = estagnação)na tua vida. Você é uma garota bonita, jovem e tem muita garra. Se não tivesse, não criaria sua filha direito nem seria boa mãe, como você mesma diz ser. Ponto pra você. Está somente nas suas mãos o poder de tomar uma atitude pra mudar o que te desagrada. Quer se formar? Volta a estudar. Quer um trampo (não sei se você trabalha formalmente ou informalmente)? corre atrás, manda curriculum, estuda pra fazer um concurso. Se você não fizer as coisas acontecerem, eu te garanto que não vai cair nada prontinho lá do céu, diretamente no seu colo. Ou você vai lá, luta pelo que quer e consegue, ou vai ficar eternamente marcando passo. A escolha é sua.
E eu sei que você não é mulher (sim, mulher, até mãe você já é, então aja como mulher: forte e guereira) de fugir de um desafio. Não vai ser fácil. Mas também eu nunca vi nada que valesse a pena que pudesse ser conseguido com facilidade. Acho que a primeira coisa que devia fazer é organizar tua rotina pra voltar a estudar. Faz uma diferença imensa, acredite. Se quiser dicas de COMO FAZER ISSO, sabe onde me encontrar.
Ass: Sua mãe!"

Quando você escreve e permite que várias pessoas dêem a opinião, você abre as portas para um mundo aonde todos são psicólogos e psiquiatras em busca de lhe ajudar ou não.. Mas poucas são as pessoas que lêem, reflete, ver além e diz exatamente o que precisa dizer e não o que você quer ouvir, mesmo que doa, que toque, que te der um tapa na cara.. Essa é a Nira! Que aos poucos veio me conhecendo e me lendo e não vendo somente o que eu escrevia.. Via a Larissa, os sentimentos atrás dos não's, atrás das palavras.. Eu não sei muito sobre ela. Nunca sentei para ler o blog dela todo. Sei que é uma mulher que lutou para estar aonde estar e continua lutando. Sei que tem uma filha de 3 anos (Minha Irmã). Que adora cozinhar e é cada coisa deliciosa! Sei que assim como eu ama ler. Tem uma família linda. Agradece a todos que a segue (Uma atitude louvável por sinal..). Teve problemas de peso como toda mulher. Fazia jui-jitsu. Lava roupa como ninguém! E assim como eu, fala abertamente sobre sua vida.. Comecei a segui-la e sempre estávamos trocando comentários. Sempre as palavras dela era diferente, duras e de uma experiência única.. E o mais importante como se eu fosse muito importante e ela se preocupasse de verdade. Ela falava (Fala) tudo o que eu gostaria que minha mãe me dissesse. E nunca disse. Ela mostra que sou importante como uma filha. Minha mãe nunca fez.. Com o tempo (Eu sempre achei isso. Mas nunca falei para ela..) fui chamando-a de mãe. Não por idade ou qualquer coisa que seja. Era pelos conselhos sábios! Hoje falo de uma excluída que além de não ser anônima, não se permite ser excluída apesar do nosso mundo.. Uma mulher que eu quero todo bem do mundo e sim a vejo como uma mãe.. MINHA MÃE! E tem todo direito de bater, puxar orelha, gritar, abraçar, amar e fazer tudo de novo! Essa é a Nira do Poquinho de Ni.. Minha Mãe!
Minha Mãe e Minha Irmã!

10 comentários :

Winny Trindade disse...

Esse conselho foi incrível!!
Sério, acho que você merecia ouvir tudo isso, mas coloque em prática e vá tentar ser feliz.

Abraço meu, querida Lara.

Que seu 2011 seja uma das coisas mais perfeitas que acontecerá na sua vida.

Gosto-te.

Naty disse...

Amiga,quando eu li esse comentário,achei super.São poucas pessoas blogueiras que são assim, que realmente tentam entender profundamente o q escrevemos!!

Agora é só tentar seguir,né?

Beijos!

Obrigado pelos parabéns,tbm estou ansiosa para te ver!!!!!!!!!!!

Sophia Pazos disse...

Eu achei o comentário super, tanto que eu e as outras que comentaram embaixo ficamos meio sem saber oq dizer pq ela havia dito TUDOOOO!
Fiquei curiosa em conhecer o blog dela...bjus Lara

Bárbara Lira disse...

a lara sempre despertando nossas curiosidades. HAHA

beeijo!

Palavras Vagabundas disse...

Querida, você tem uma ótima mãe, sempre leio o blog dela e cada vez mais admiro sua coragem e equilibrio.
Segue os conselhos um de cada vez e com certeza vai fazer diferença na sua vida.
bjs carinhosos
Jussara

Atitude: substantivo feminino. disse...

O conselho dela no post foi bom mesmo... me lembro que já nem tinha mais nada para falar e que só concordei com ela!

Legal vc ter publicado como um post!

J.W disse...

ta que todo mundo já falou isso, mas eu tbm li o comentário, e sem dúvidas foi o melhor. Como todo mundo, tbm concordei, fui até no blog dela, ja to seguindo, e é isso.

Nira disse...

Eu me preocupo de verdade. Vejo um grande potencial em você e sei que está apnas um pouco desorientada, mas com algum direcionamentpo você pode dar uma guinada na sua vida que nem você mesma imagina.
Não é porque não conheço você ou os outros blogueiros pessoalmente que eu deixo de me importar com as pessoas.
quando alguém senta pra digitar um post, está colocando nas letras do texto um pedacinho seu. Graças a Deus eu ainda não perdi a capacidade de enxergas as pessoas por detrás das letras.
Oxalá fôssemos todos assim.
Confesso que fiquei admirada com suas palavras e agradeço pelos seus elogios. Sua descrição a meu respeito foi bastante pertinente o que demonstra que você tamb´m tem capacidade de enxergar as pessoas. Te convido pra conhecer mais da minha história. Dá uma olhadinha no meu post de hoje que muita coisa a meu respito vai se esclarecer pra você.
E novamente, muito obrigada por suas palavras.
Me senti realmente lisonjeada.
:0)

Jéssica Mariane :D disse...

minha melhor conselheira .....
Larinha... TUDO DE BOM SEMPRE PRA VOCE !

VOCE MERECE !

BEIJOS QUERIDA ♥

Ana Pe disse...

Lara,
Que as sábias palavras da Nira te acompanhem em 2011... basta você querer!!!!!

Um beijo enorme pra vc e sua linda filha... até 2011!

Google Analytics Alternative