terça-feira, 2 de novembro de 2010

♪..E Vou Rezar Aos Santos e Orixás..

..Pra ver se um novo amor me acontece..E o seu que va morar em outro lugar..♪

Imaginem a cena, eu ouvindo essa música 375 vezes, varrendo a casa, chorando baldes, com direito a cair no chão e continuar chorando, depois entra no banho e continuar chorando..Olha, é triste, viu! Odeio ser mal-amada..Odeio saber que ninguém gosta de mim..Deve ser por isso que neguinho entra no cinema e mata geral..Era sozinho e mal-amado! FATO*
Já disse que meus momentos de felicidades são raríssimos? Então..Já passou e tô com um mal humor.
No outro dia quando comentei lá em casa que não tive sorte no amor, minha mãe e minhas irmãs quase me agrediram, elas começaram a dizer: "Todos os seus relacionamentos você foi amada, Pedestal, Russell"..Elas não sabem de nada..Pedestal e os demais já passaram e Russell nem vou começar com o lamento dizendo que fui eu mesma que errei, que pisei na boa, que ele realmente não merecia..Esses lamentos não mudam nada! Russell está bem feliz, exibindo sua moto e em cima dela seu ar superior, vamos esquece-lo?
Só para variar em um feriado eu tô em casa ¬¬'..Fiz o almoço hoje, estava inspirada para cozinhar, devo dizer que não é meu forte, mas me esforço, fiz frango com batatas ao forno, uma coisa, viu!
Vou ali ver umas séries, comer pipoca, chorar mas uns baldes..


"Eu me sinto às vezes tão frágil, queria me debruçar em alguém, em alguma coisa. Alguma segurança. Invento estorinhas para mim mesmo, o tempo todo, me conformo, me dou força. Mas a sensação de estar sozinho não me larga. Algumas paranóias, mas nada de grave. O que incomoda é esta fragilidade, essa aceitação, esse contentar-se com quase nada. Estou todo sensível, as coisas me comovem..."
(Caio Fernando Abreu)

19 comentários :

Única e Exclusiva disse...

Fica assim não... Tudo passa nessa vida, faça por onde mudar... Vamos tagarelar pelo msn? Vou te adicionar, blz?


Beijos, ú&e =***

Anônimo disse...

LARA QUERIDA NÃO FIQUE ASSIM, FAÇA ISSO MESMO REZE PARA OS SANTOS E ORIXÁS, QUEM SABE NÃO MELHORA!!!! SUA ADMIRADORA AQUI DO RIO DE JANEIRO. GSSL BEIJOS MIL...

te seguirei, assim como o vento... disse...

negah eu sei bem o q vc ta sentindo, se ainda fossemos vizinhas estaria ai c vc agora compartilhando essa pipoca e quem sabe as lagrimas ... to igual a vc hj... abandonada... mal amada... depois me manda seu msn bju me identifico mto c tudo q vc escreve

Ana Bárbara disse...

Tudo passa Larinha! Estou me sentindo assim também há um tempo... e concordo com você: É TRISTE.

Mas é a vida né... fique bem flor!

Grande beijo.

Sophia Pazos disse...

Ai Larinha!!!
Não vou te julgar não amiga...tem vezes que tb fico assim, e olha que não tem nada de errado na minha vida...deve ser baixa estima momentânea...
O pior é que as pessoas ao redor pensam que podem ajudar, mas não podem...só vc pode se ajudar!!!!
Eu tb fiquei em casa hoje, e fico sempre...é difícil eu ter vontade de sair...preguiça, sabe???
Fico preocupada tb, nenhuma pessoa normal tem vontade de ficar em casa 24 horas...mas eu tenho, então acho que não sou normal...ai, que eu to dizendo??? Hoje tb to num dia sacal!!!

bju

Denise Portes disse...

Mas tudo que a gente vive vai virando poesia e textos e isso é bom.
Beijo
Denise

Winny Trindade disse...

Nossa, Lara. Como pode a gente ser assim e sentir as mesmas coisas??
Como?
Oh vida!!

Abraço meu.

Juuh Peralva disse...

Boom sei muito bem o que é isso me sinto exatamente assim ¬¬

André Ulle disse...

A começar pelo título do blog incrível rsrs
A vida é esse lance cheio de abismos, arranhões inevitáveis, e as dores de ser tão mortal aos nossos sonhos, pois nem sobre ele somos soberanos, mas a vida segue, mesmo a que a gente não saiba pra onde, ou por onde, a gente ainda sente o peito se enchendo de um monte de esperanças que superam o medo de serem vãs. Penso como o Caio (meu guru rsrs) a bela está na incompreensão das coisas.

Nira disse...

Olha Lara, solidão é foda e eu sem bem o que é isso. E nesses momntos de solidão é que a gente corre mais o risco de cair na balela do primeiro idiota que aparece só porque está se sentindo só e serve a companhia de qualquer porcaria que tenha uma leve semelhança com um ser da raça humana. Fica nessa não. Tenta ser prática, Sai de casa, faz um curso, ocupa a mente (não que você seja desocupada) mas fazendo um curso de inglês, dança de salão ou pintira, culinária, seja que diabo for, te dá a chance de conhecer gente nova e ampliar seus horizontes de relacionbamento, tamto amorosos como fraternos. Sai de casa e vai viver. Vai fazer um trabalho voluntário, se tiver tempo, entende? Vai pra qualquer lugar onde haja gente com os mesmos interesses que você, que tenha algo em comum com você. E nem precisa gastar dinheiro (que a maioria de nos não tem, rsrs) pra isso. Espero ter ajudado.
E para de ficar ouvindo música de fossa (que eu também adoro ouvir e chorar aos baldes).

Leo disse...

ah, logo o sol virá!
enquanto isso, escreva mais dessas belezuras que eu gosto muito. :)

Beeeijo.

★★ GIZA ★★ disse...

OI AMIGA
EU AINDA NÃO ASSISTI PSYCHOVILLE
TAMBÈM ESTOU QUERENDO BAIXAR PARA VER SE È BOA
BEIJOS

Juci Barros disse...

É clichê eu sei, mas é uma fase; é fato!
Beijos.

dear sarah disse...

Não acredito em santos, muito menos em orixás.. mas acredito em Caio Fernando.

Força! e beijinhos adocicados.

Michele disse...

Não é fácil mesmo ter que viver sem amor. Por mais que coisas boas aconteçam, parece que sempre algo nos falta. Só passa quando encontramos quem nos complete. Embora digam que só somos felizes quando aprendemos a conviver com nós mesmos, não acredito em felicidade plena que seja ímpar, que viva só! Espero que você encontre a razão de largos sorrisos, moça!

Um beijo!

Andressa Keka disse...

amigaaaa eu que to em falta com você :~
muita saudade.
fique beeeem!
preciso lhe fazer sorrir, se não fico mal =/

TE AMO!♥

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

teu texto é um roteiro perfeito para um curta rodado ao fim de tarde pela orla de salvador,

Keila disse...

Querida amiga de infância, te empresto meu ombro para que chores à vontade e faço pão crocante pra vc no acendedor de pão!
bjs e se cuide.

Luna Sanchez disse...

Já contei que essa música espreme e trucida o meu coração?

Beijocas, lindona!

ℓυηα

Google Analytics Alternative