sábado, 3 de julho de 2010

E daí? Posso?



Não quero sugar todo seu leite
Nem quero você enfeite do meu ser
Apenas te peço que respeite
O meu louco querer
Não importa com quem você se deite
Que você se deleite seja com quem for
Apenas te peço que aceite
O meu estranho amor
Teu corpo combina com seu jeito
Nós dois fomos feitos muito pra nós dois
Não valem dramáticos efeitos
Mas o que está depois
Não vamos fuçar nossos defeitos
Cravar sobre o peito as unhas do rancor
Lutemos mas só pelo direito
Ao nosso estranho amor
Ah! Mainha deixa o ciúme chegar
Deixa o ciúme passar e sigamos juntos
Ah! Neguinha deixa eu gostar de você
Prá lá do meu coração não me diga
Nunca não


Desculpas aos mendigos, as crianças que passam fome, aos pobres, as pessoas que perderam suas casas nas enchentes, quem estar de luto, aos torcedores da Argentina(kkk)..
Concerteza existe algo pior do que tudo que estou passando, mas estou mal, e dai? Posso?
Me sinto ridícula por está assim por causa de alguém que nem merece, enquanto existe pessoas que passam por problemas bem piores..
Mas cansei de me sentir pior ainda por estar assim, eu tô e F....!
Algumas pessoas dizem que por aqui anda triste e que eu tô mal..E É VERDADE!
Tô mesmo..E por enquanto o assunto é esse, na pauta consiste em choro, tristezas, lamúrias..E por enquanto não vai mudar, porque não vou fingir!
Deixa eu desabafar, porque aqui é meu espaço e blá bla blá..

P.s:Essa música me fez chorar hoje..Trecho do filme Romance..Muito bom..Para piorar a situação!

3 comentários :

Por que você faz poema? disse...

Claro que pode.

Juuh Peralva disse...

fica a vontade minha querida :P

(#♥Éяιcα♥#) disse...

Cada um tem seu problema !
Não escolhemos passar por certas situações.
Pode desabafar. com certeza.

Google Analytics Alternative