domingo, 16 de janeiro de 2011

Na Parede da Memória.. (Cartas Para Alguém)

"Enquanto você insistia em me lembra do dia que conheci seu pai e pensava: "Eu vou matar esses escroto!!" Talvez não doa para você! Mas lembrar, doí muito em mim.. Eu luto constantemente em esquecer qualquer coisa que me ligue a você, por que de fato não faz bem, não ME faz nada bem.. Os anos passaram para nos e o amor continua igual.. Igual aquele que ouviu o seu 1° eu te amo, igual aquele que chorava por mim, que pedia para ficar.. Ai, esse era o verdadeiro amor.. Amor sentido não por 2, mas por 1, uma única alma, uma única presença, como um encaixe perfeito, como toda aquela baboseira de alma gêmeas, que acreditávamos que existia.. Agora sabemos que não, alma gêmeas não se separam, elas seguem unidas, apesar de tudo.. De todos! Mesmo que esse "todos" seja somente essa que vós escreve, com um dos temperamentos mas difíceis que você já viu.. Então eu pedindo para não lembrar e você pedido para lembra! Me deu músicas escritas e cantadas por você. Pensei e não ouvir. Ouvir sua voz iria mexer muito comigo, poderia cair no choro e pirar de felicidade. Talvez não esteja preparada para isso, pensei. Mas sou curiosa demais para não ouvir. Ouvir e chorei, sabia que iria chorar, sua voz é linda, não tem como não chorar e naquele momento vários buracos foram abertos, ali as lembranças saíram e me fez chorar muito, e voltei a lembrar de cada parte do seu corpo, de cada sorriso, e nem vou comentar de novo do seu cheiro, eu sentia seu cheiro e me perguntava se estava a um passo da loucura.. Mas cair em mim. Lembrar não nos leva a lugar algum, peguei a pá e fui jogando terra de novo nos buracos, e eu iria tampando, tampando e as lembranças como loucas surgiam e se esfregava nos meus olhos e ali eu fui percebendo o quanto é ruim te esquecer, te enterra.. Mas a cada dia é preciso, por que até ouvir que sou importante para você, me faz lembrar.. Ai desliguei sua voz, apaguei tudo, tampei os buracos e enterrei bem lá no fundo a maioria das lembranças. Bebi uma água, fui deitar, as lágrimas queriam cair, afinal, ainda doí, te enterrar doí, "não era para ser assim". Quando me recompus e me certifiquei que estava tudo bem tampado,  foi ai que cheguei a uma parede que prometi para mim mesma que essa eu não iria derrubar, esse quadro nessa parede eu não iria apagar, era o amanhecer.. Aquele das 5 da manhã, do suor, dos lençóis amassados.. Esse foi o que escolhir guarda, escolhir lembrar.. Então trata de não me força a lembrar, nada de músicas, nada de dramas, estamos no status quo e isso é cool.. Deixa eu esquecer, e lembrar somente do amanhecer.."

8 comentários :

Winny Trindade disse...

E lá fui eu chorar...
rs

Abraço meu.

Juci Barros disse...

Outro ouvi uma frase que me tocou para sempre: " As palavras são verdadeiras no momento em que são dita." Não era mentira, só era eterno.
Beijos.

Eurico Rocco disse...

Vc escreve bem...adoro me perder aqui


http://delitosperdidos.blogspot.com/

- disse...

E porque raios tem que ser assim, né? Porque aquilo que antes era tão bom, hoje deixa a dor? Não sou boa com conselhos, mas o melhor que podem me dar, é de que tudo passa.. não podemos fugir disso. Fica bem!

Beijoos

A Saga Auréola disse...

Notei seu seuper otencial como blogueira.Parabéns hein.Beijos e continue escrevendo bem assim.

Siga meus anjos

http://sagaaureola.blogspot.com

Amanda Arrais disse...

"Então trata de não me força a lembrar, nada de músicas, nada de dramas, estamos no status quo e isso é cool.. Deixa eu esquecer, e lembrar somente do amanhecer."

Adorei!
É, a dor de ter que esquecer algo que um dia foi tão importante machuca, mas mesmo esse machucada passa, te desejo toda sorte do mundo.

=*

- disse...

Tem um selo no meu blog pra ti.. tudo te lindo, sempre!

beijos!

Ana Bárbara disse...

Que coisa mais linda, me emocionei lendo.

Google Analytics Alternative