domingo, 15 de novembro de 2015

Daley

Eu sentei várias vezes essa semana na frente do PC e relutei a escrever. Eu ainda não quero falar sobre algumas coisas, mesmo querendo. Eu nunca estive tão relutante pra falar algumas coisas aqui, nunca! E não é pelas pessoas que me leem, boas e ruins, não, não é por causa de vocês, é por causa de mim. Não é sabedoria, ou sagacidade, não, sou eu, eu com medo, de um monte de coisa, a cabecinha não para! Então, vamos falar dessa semana que foi horrorosa: Me perdi, tomei um pé na bunda, briguei com uma maluca... Ah! Tá ai, vou contar essa historia aqui, gente serio, só atraio desequilibrados, juro! 

PAUSA PRA HISTORIA DE FALSIANE: 

O inicio da historia de Falsiane está aqui junto com a historia de James Dean, gente, eu não sei mesmo porque naquele dia abrir minha boca, tenho essa mania de achar que todos vivem bem com sua sexualidade e que não vivem mentiras por ai, mas enfim, comentei e desde então ela me odeia, ODEIA muito, chegou a mandar comentários aqui no blog, se passou pelo James - Mas ó, não quero mais não, tá?! Tô aqui de boinha - e eu aqui ignorando, não falo mais com James, e são pessoas que estão ai, bem, né?! Mas ainda me odeia, eu aqui vivendo com isso, até minha equipe de treinamento cair com ela, e eu fui falar sobre indicadores, comportamental e afins, você quer ajudar o coleguinha e o que você leva??! Acusação de está pegando no pé dela, de falar pra todo mundo que ela é lésbica e eu: "O QUÊ???" E eu querendo gargalhar na frente dos nosso lideres, porque pessoa desequilibrada levando assunto pessoal para o profissional, gente, a pessoa me odeia gratuitamente e sempre achei que era amada por todos #SQN Mas de verdade, é uma pessoa lamentável, infelizmente esse é o naipe de pessoas que precisamos conviver no ambiente corporativo, falei com o James sim anos luz atrás sobre isso, mas não ando falando dela, porque é uma pessoa indiferente, que sei que me odeia e não estou nem ai ¬¬  MEODEEEEUOOOS... 

FIM DA PAUSA 

Não vou falar do pé dá bunda, porque ainda não tenho estrutura emocional pra falar "dELE", e já voltamos, então, ainda há tempo de falar dele aqui, tenho um monte de temporada pra atualizar, ainda não terminei 'Twilight', mas ela já tem um final e tentarei terminar mais rápido possível, tenho 'Vacation' que falarei sobre o Rio, e a nova temporada, essa atual, que olha, nunca vi um diretor tão escroto na minha vida e nessa tenho a sessação que "O Cara da Roda Gigante" - Ler-se Deus - desistiu de mim, não o sinto nem de longe o que é muito ruim. Continuo falida, entrando naquela fase de novo de ficar sem dormir que o fim de semestre faz com a gente, mas olha, é o ultimo, me formo e acabou, esse semestre está horroroso, na verdade esse ano está assim, as vezes me pego sentada no ônibus pensando: "Gente, o que está acontecendo na minha vida, será que alguém sabe, porque eu, eu mesmo, não estou entendendo nada.." Passei o ano todo assim, parece que entrei em uma especie de Daley eterno, as coisas acontecendo e eu: "Mas ué, porque? Não estou entendendo??" E assim segue, não lembro dos planos que prometi pra esse ano, não farei novos ano que vem, entrei em uma onda de -24hrs, tá dando certo, continuo me ferrando, mas não sofro por antecipação, o que já é alguma coisa... Pepi tá linda, grande e mais inteligente que eu, Zé dá última vez que nos encontramos, fez um barraco épico, do nivel de vira pra Pepi e dizer: "Sua mãe não te pega na escola porque ela não tem tempo" e Ela: "Ela trabalha!" Até uma criança de 6 anos me entende e sabe quem eu sou, enquanto Zé - A pessoa mais errada da historia - ainda cria situações pra me desequilibrar - Como se eu realmente precisa-se - e agi como um louco, sério, minto lindo pras pessoas que nos damos super bem, porque quando as pessoas me perguntam: "Mas ué porque ele faz esses barracos com você?" Eu não sei responder, só sinto vergonha alheia e não sei de verdade o porquê de tanto ódio e rancor, já que quem tomou o corno fui eu, mas né?! Mainha continua uma louca, eu não tenho visto meus seriados, estou estudando mesmo como louca, e bom, minha vida amorosa.. É uma piada, sempre foi, sempre será, adivinha, nela também: NÃO SEI O QUE TÁ ACONTECENDO! HAHAHAHAHAHAHHAHAHAHAHAHAHAH Olha, pra finalizar só queria deixar registrado esse Twitter que acho que já tuitei umas 2 vezes essas semana #reflitam:

2 comentários :

Andrė Góes disse...

Continua sempre lindos e plausíveis (seus textos). Foi lindo matar as saudades naquele dia! Beijos mil! André.

Andrė Góes disse...

Continua sempre lindos e plausíveis (seus textos). Foi lindo matar as saudades naquele dia! Beijos mil! André.

Google Analytics Alternative